Qual a diferença entre empresário e empreendedorismo?

Empresário é aquele que localiza a necessidade da sociedade e busca atendê-la, com sua ideia inovadora. Por outro lado, empreendedorismo se refere ao processo de constituição de uma entidade empresarial, com a intenção de obter lucro, como retorno no futuro.

Você deve ter ouvido nomes como Bill Gates, Jeff Bezos, Steve Jobs, Mark Zuckerberg, Larry Page, Elon Musk e muitos mais, por seus produtos inovadores e exclusivos oferecidos por eles à sociedade. Não são empresários, são empreendedores, pois estabeleceram um negócio, para oferecer um produto inovador e arriscaram na esperança de obter lucro, como retorno no futuro.

Neste artigo, você conhecerá as diferenças entre empreendedorismo e empresários, de forma elaborada.

O que é ser empresário?

O empresário é um indivíduo ou uma equipe que tem uma ideia inovadora e que dá todos os passos para transformá-la em realidade, assumindo os riscos. É a pessoa que tem uma ideia e dá forma a ela, podendo ser um inovador, que perseguiu o sonho até que se tornasse realidade. É ele quem monta o empreendimento, para transformar um conceito em realidade.

O que é ser empreendedor?

O empreendedorismo é uma atividade arriscada de começar um negócio, geralmente uma empresa start-up, oferecendo produtos e serviços distintos aos clientes-alvo, que podem ou não obter sucesso. É um processo que dá forma à ideia, sendo um procedimento pelo qual uma inovação é feita. É a atividade que um empresário empreende para criar o seu negócio.

Empreendedorismo e empresários

Empreendedores podem ser empresários e empresários podem ser empreendedores. As palavras se complementam, e não são antônimos. (Foto: Dare 2 Dream Leaders, Inc.)

Definição de empresário

Um empresário se refere a uma pessoa que concebe uma ideia criativa e toma todas as medidas necessárias para convertê-la em realidade, como tomar a iniciativa de montar uma nova empresa, fornecendo capital, terra, mão de obra e todos os recursos essenciais para a sua produção. o produto, ele tem em mente e arcar com todos os riscos para obter lucros no futuro.

A empresa formada por um empresário pode ser entendida como a manifestação viva de sua ideia. Então, um empresário é:

Iniciante no mercado, que tem novidades para oferecer à sociedade e começa do zero a constituir e a gerir o empreendimento.

Um inovador, que tem uma ideia ou conceito instigantes em sua mente, que tem a capacidade de liderar o mercado.

Um desenvolvedor, que desenvolve um modelo de negócio, para dar forma à ideia.

Um líder, que fornece orientação e apoio aos seus homens, para trabalhar em uma direção específica ou alterá-la (se necessário) para atingir a meta.

Um encarregado que responde e é responsável pelo sucesso ou fracasso do empreendimento, pelas decisões que toma.

Um promotor, que dá todos os passos necessários para transformar o sonho em realidade.

Um previsor, que prevê oportunidades e ameaças futuras que podem afetar o empreendimento, positiva ou negativamente.

Um tomador de risco, que tem a capacidade de antecipar o risco no futuro se move e assume o risco, se for benéfico para a empresa.

Definição de Empreendedorismo

Empreendedorismo é o processo ou atividade de iniciar, desenvolver, administrar e operar um empreendimento, assumindo todos os riscos envolvidos, de forma a obter lucros. É um dos quatro fatores de produção, sendo o outro a terra, o trabalho, o capital. As características do empreendedorismo incluem:

1. Processo: o empreendedorismo é um processo sistemático, objetivo, criativo e contínuo, que um empreendedor se compromete a administrar o negócio sem problemas.

2. Inovação: a inovação é a característica principal do empreendedorismo, que cria uma diferença no mercado. Com efeito, ajuda a empresa a apresentar o produto rapidamente, visto que dificilmente existe uma empresa que o vende no mercado.

3. Desenvolvimento da rede: desenvolver conexões fortes com as partes, como fornecedores, distribuidores, bancos, devedores, credores e muitos mais, que estejam direta ou indiretamente relacionados com o processo de negócios, para ter um bom valor, no mercado.

4. Potencial de lucro: lucro é algo que mantém a organização funcionando, na verdade, funciona como uma motivação para o empresário fazer melhor do que antes. Assim, antes de tomar qualquer decisão em relação ao empreendimento, é dada prioridade ao potencial de lucro, ou seja, ao dar um passo adiante, o empreendedor identifica se é rentável ou não.

5. Previsão de tendências de mercado e possibilidades futuras: o empreendedor deve acompanhar de perto as tendências de mercado e as demandas futuras para que a empresa possa trabalhar continuamente para melhorar os produtos ou serviços oferecidos e crescer ainda mais.

6. Suposição de risco: você deve ter ouvido o famoso ditado “sem risco, sem ganho”, o que significa que o lucro do negócio depende do fator de risco. Portanto, riscos e recompensas são inerentes à empresa; na verdade, dificilmente existe qualquer empresa que sobreviva sem correr riscos.

Qual a diferença entre empresário e empreendedor?

A diferença entre empresário e empreendedorismo é discutida nos pontos abaixo:

O empresário é uma pessoa, ou equipe de indivíduos, que tem uma visão que não só gera dinheiro, mas também pode facilitar a maneira como as coisas são feitas, ao fornecer produtos e serviços que tenham valor para o cliente, ao mesmo tempo em que leva todos os riscos, o que atrapalha. Por outro lado, o empreendedorismo é uma arte de transformar uma ideia em realidade, que não consiste apenas em arranjar os recursos para dar forma à ideia, mas em fazer esforços constantes nessa direção, para obter lucros no futuro e assumir todos os riscos ou recompensas.

Um empresário é apenas uma pessoa que tem uma ideia única e prática em sua mente. Em oposição, o empreendedorismo é o processo de iniciar e administrar um negócio de fornecimento de produtos e serviços criativos.

O empresário pode ser um inovador, pois concebe uma ideia inovadora, que ainda não foi introduzida por mais ninguém no mercado. Pelo contrário, o empreendedorismo é o meio pelo qual se pode fazer inovações.

O empresário cria o empreendimento, de forma a converter a ideia, em produto ou serviço, o que pode ajudar muitos ao facilitar a forma como o trabalho era realizado anteriormente. Em contraste, o empreendedorismo tem tudo a ver com realizar o negócio e assumir todos os riscos que surgem no caminho, para dar uma forma adequada à visão do empreendedor.

Com a discussão acima, pode ficar claro que aquele empresário é apenas uma pessoa com uma ideia, que tem a capacidade e a vontade de dar forma a essa ideia, passando pelo processo de empreendedorismo. Um empresário é conhecido por suas decisões, que decidem o destino do empreendimento.

Dúvidas? Deixem nos comentários suas perguntas!

Deixe um comentário