Uma taxa de câmbio é o preço da moeda de um país em termos de outra moeda. Em outras palavras, representa quantas unidades de uma moeda estrangeira um consumidor pode comprar com uma unidade de sua moeda local. Ela influencia, basicamente, no preço de tudo que compramos. Isso ocorre porque, basicamente todas as commodities tem algo em sua linha de produção que tem o valor dependente de uma moeda estrangeira como o dólar.

O que é taxa de câmbio?

Qual é a definição de taxa de câmbio? As taxas de câmbio são taxas usadas em todos os mercados internacionais, incluindo finanças, negociação e investimento. Empresas e investidores usam essas taxas para comparar o poder de compra de sua moeda com o de outro país. Eles também usam isso para determinar a força comparativa de sua moeda doméstica em relação às moedas estrangeiras.

Além disso, essas taxas podem ser flutuantes ou fixas. Uma taxa flutuante ocorre quando o mercado determina a taxa. Uma taxa fixa é o local em que um país fixa sua moeda doméstica em alguma moeda generalizada.

Taxas de câmbio

As taxas de câmbio são necessárias para estabelecer o valor de uma moeda e seu peso no mercado financeiro global. (Foto: ForexSpringBoard)

Exemplo de taxa de câmbio

Maria é uma trader (negociadora) no departamento de moeda de um grande banco multinacional. Todos os dias, ela negocia dezenas de moedas em mercados exóticos e estrangeiros. No entanto, para conduzir suas responsabilidades diárias, ela precisa estar ciente de taxas importantes, como o BRL para USD ou o BRL para Euro. Hoje, ela precisa fazer uma operação complicada: converter R$1.000 em libras esterlinas e depois para euro para um cliente que deseja transferir dinheiro entre bancos. Primeiro, Maria deve saber a taxa para as moedas envolvidas.

Depois de realizar uma pesquisa completa, ela descobriu que 1 BRL é igual a 0,20 GBP e 1 GBP é igual a 2 Euros. Suas conversões usando cada taxa são as seguintes: R$1.000 são trocados por 200 libras esterlinas, depois as 200 libras esterlinas são trocados por 400 euros. Maria atendeu ao pedido de seu cliente e usou com sucesso as taxas de câmbio para facilitar o fluxo de capital em todo o mundo.

Qual a importância da taxa de câmbio?

As taxas de câmbio são absolutamente vitais nesta economia global. Se forem desfavoráveis, podem distorcer os retornos dos investimentos e derrubar idéias de troca. Por outro lado, uma taxa de câmbio favorável, com uma moeda doméstica forte, é ótima para importações devido a bens internacionais “mais baratos”, enquanto uma moeda estrangeira mais fraca é ótima para exportações, devido a produtos “mais baratos” produzidos no mercado interno para países no exterior.

Taxa de câmbio na prática

A taxa de câmbio significa a proporção em que uma moeda pode ser negociada por outra. Esta negociação nos afeta indiretamente em todas as áreas de nossas vidas. Diretamente, geralmente veremos mais sobre as taxas de câmbio quando estamos fazendo compras internacionais em outras moedas, ou quando estamos comprando moedas para viajar para o exterior.

Seja como for, é bom monitorar de perto as taxas de câmbio. Elas são essenciais também em questões de investimentos. Quando, por exemplo, você está investindo em uma empresa que depende muito de exportações, uma alta do dólar pode ser favorável para o caixa da empresa. Entretanto, uma empresa importadora pode ter impactos negativos em suas finanças.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas e iremos responder!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)